Connect with us

Manaus, AM,

ENTRETENIMENTO

Rock in Rio realiza treinamento com equipe de apoio que trabalhará durante os sete dias de festival

Publicado

em

Rio de Janeiro – Os preparativos para o Rock in Rio não param e, neste sábado, dia 5, foi a vez do treinamento da equipe de apoio recrutada para trabalhar na Cidade do Rock durante os sete dias de evento, nos dias 15, 16, 17, 21, 22, 23 e 24 de setembro. O treinamento – que vai acontecer durante todos os sábados do mês de agosto – será o momento de troca de experiências e partilha de conhecimento. A ação mobiliza todas as áreas envolvidas com o festival para que cada um partilhe seu conhecimento e envolva ainda mais cada um dos selecionados.

“Todo este treinamento é fundamental. Eles são os nossos olhos dentro da Cidade do Rock para o público. São eles que impactarão cada um dos nossos visitantes e precisam ter a nossa energia contagiante. Estamos falando em mil pessoas sendo formadas para atuarem em áreas das mais variadas. E que somadas a toda a nossa equipe interna já existente ajudarão a fazer o melhor evento de entretenimento de todos os tempos”, reforça Roberta Medina, vice-presidente do Rock in Rio.

E, a diretora de Comunicação e Marketing do evento, Agatha Arêas, garante que “não importa de onde se vem, mas queremos fazer parte da vida das pessoas as estimulando para onde se quer chegar. Queremos sonhar junto e realizar. Esperamos que esse treinamento tenha efeito transformador na vida dessas mil pessoas, tão distintas umas das outras”. Ela lembra ainda que a equipe de apoio é formada por indivíduos de diferentes classes sociais por conta de parcerias do festival com projetos sociais como o Redes da Maré, o Projeto Coletivo Coca-Cola e o Projeto Resgate, da Prefeitura do Rio.

Ana Carolina da Silva, 26 anos, e James Douglas Santos Matos, de 22, hoje moram em abrigos, mas até o fim do ano passado eram moradores de rua. Desempregados, eles veem no Rock in Rio uma porta para futuras oportunidades em suas vidas. “Essa vai ser uma experiência que vou levar para o resto da minha vida, estou muito feliz”, disse James, fã de rock. “Agora começa uma nova vida para nós. Vamos escrever uma nova história”, reforça Ana Carolina.

Roberta Medina conta que o sorriso de cada um e o conhecimento da Cidade do Rock são a garantia da boa experiência do público dentro do evento. “Queremos que todos estejam felizes e seguros de tudo o que oferecemos aqui dentro. É a partir desta felicidade que toda a experiência começa. Hoje, nas nossas equipes temos pessoas que já foram voluntários no Rock in Rio e entendemos o quanto isso faz diferença”, conta.   

Leonardo Lima, hoje, cuida da gestão de pessoas no Rock in Rio na equipe de operações do festival e sua história no evento começou quando trabalhou como voluntário, em 2015. “Trabalhei como voluntário em 2015. Fui monitor do backstage do Palco Street Dance e também ajudei nos brinquedos. Foi muita correria. Hoje, minha visão é mais alargada. Faço parte da equipe desde abril e entendendo cada processo, como funciona a toda a montagem. É uma experiencia única fazer um Rock in Rio desde o início, mas certamente foi minha atuação como voluntario que me permitiu estar aqui hoje”, garante.

A estudante de administração Yasmin Xavier, de 27 anos, já tem experiências em eventos, mas garante que trabalhar no Rock in Rio será bem diferente e único. “Trabalhei em todos os grandes eventos que que o Rio de Janeiro recebeu nos últimos anos: Jornada Mundial da Juventude, Jogos Olímpicos, Copa do Mundo e, agora, o Rock in Rio. Será minha primeira vez em um ambiente de música, mas esse festival vai além porque não é só rock e música, é a mistura de tribos, de pessoas diferentes. Espero aprender muito trabalhando aqui, fala Yasmin.

A equipe de apoio será treinada com capacitações, palestras nas áreas de comunicação, atendimento ao público, competências técnicas e experiências práticas. O objetivo é focar a capacitação não apenas nas atividades em que a equipe realizará durante o festival, mas também estimular o desenvolvimento profissional dessas pessoas. Os voluntários atuarão em mais de 40 áreas do evento, dentro da Cidade do Rock, desde camarins e backstage até suporte técnico e operacional de diversos departamentos do evento. O processo de seleção dos quase 23 mil inscritos contou com as seguintes etapas: triagem e análise curricular, entrevistas e treinamentos.

 

Com informações da assessoria*

Publicidade

Mais Lidas