Conecte-se conosco

Manaus, AM,

AMAZONAS

Preso, delegado que matou advogado no Porão do Alemão faz carta se defendendo

Publicado

em

O delegado Gustavo de Castro Sotero, preso no dia 25 de novembro deste ano, encaminhou a população amazonense uma carta de defesa na qual expõe sua vida e quem é. 

Crime no Porão do Alemão

O advogado Wilson de Lima Justo Filho, de 35 anos, morreu depois ser atingido  por disparos de arma de fogo dentro do Porão do Alemão, por volta das 2h do dia 25 de novembro deste ano. Outras três pessoas ficaram feridas, entre elas a esposa do advogado, Fabiola Rodrigues Pinto de Oliveira, de 31 anos, que foi atingida na perna esquerda.

Yuri Paiva, de 45 anos, foi baleado no abdômen e Maurício Rocha, 35, foi atingido no dorso esquerdo. Os três sobreviventes foram levados para Hospital Pronto-Socorro (HPS) 28 de Agosto. Yuri e Maurício receberam alta.

 

Continue lendo
Propaganda

Veja também

TABOOLA