Connect with us

Manaus, AM,

BRASIL

Garoto de 9 anos mata colega de 12 a pauladas após ser chamado de ‘caolho’

Publicado

em

Um garoto de 12 anos foi morta a pauladas por um colega de 9 anos após implicar várias vezes chamando-o de “caolho”. O caso aconteceu na última segunda-feira (18) no bairro Cidade Nova II, em Várzea Paulista, São Paulo.

O delegado Marcel Fehr explicou que a vítima “provocava constantemente o menino, que é estrábico, chamando-o de ‘galo cego’ e ‘caolho’” e que os dois estariam entre um grupo de colegas quando houve o desentendimento.

A briga tomou um rumo trágico quando o menino de 9 anos pegou um pedaço de pau e atingiu o colega diversas vezes na cabeça. O adolescente chegou a ser socorrido e encaminhado ao Hospital Universitário de Jundiaí (SP), mas não resistiu aos ferimentos.

O tio da vítima, Luís Carlos Rodrigues da Silva, afirma que, durante o trajeto até o hospital, o garoto implorava para que fosse salvo por ele e que não o deixasse morrer. “Ele falou assim: ‘Não deixa eu ir embora não, tio. Pelo amor de Deus, pega eu, me socorre’. Pediu para não deixá-lo morrer. Fiz de tudo para salvar, mas não tinha como”, lamenta.

De acordo com Fehr, como o autor do crime é uma criança, não há medida de restrição de liberdade prevista no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). “Não é sequer um ato infracional, apesar da gravidade do fato”, ressalta o delegado. Com informações do portal TN Online.

Publicidade
Publicidade

Mais Lidas