Connect with us

Manaus, AM,

AMAZONAS

Pai encontra cabeça de filho desaparecido em área de terra indígena

Publicado

em

Manaus|AM – A cabeça do estudante Maurício Marques da Silva, 19 anos, desaparecido desde a última segunda-feira, 29/01, foi encontrada na tarde desta quarta-feira, 31/01, por volta das 14h, em uma área da terra indígena do Caititu, em Lábrea (a 701 km de Manaus). O jovem havia saído de casa com 2 litros de gasolina e bebidas alcoólicas, dizendo que iria encontrar quatro amigos em uma ilha próximo da casa de onde eles moram e desde lá não teria sido mais visto.

De acordo com o pai do adolescente, por volta das 18h do mesmo dia que o jovem saiu, ele ouviu um disparo de arma de fogo e gritos de pedido de socorro, a voz parecia de seu filho. Ele foi averiguar e encontrou quatro amigos de Maurício, eles disseram que a vítima estaria dentro de uma casa e o pai foi para essa casa e não o encontrou. Os suspeitos, logo em seguida, fugiram do local.

O pai encontrou a cabeça do filho na mata. A polícia isolou o local e a perícia técnica recolheu a cabeça. Familiares e a polícia realizam buscas para encontrar a outra parte do corpo.

Segundo a polícia, identificou os suspeitos de terem cometido o assassinato o estudante, dois seriam foragidos da cadeia pública de Lábrea, identificados como Árlesom Ramos Ferreira, o “Bru”, de 18 anos, e Gernilson Soares da Silva, também de 18 anos. Outros dois suspeitos também foram identificados como Sebastião Gomes da Silva, o “Fubá”, de 24 anos, e Elimar de Souza Carneiro Gonzaga, o “Martelo”, de 19 anos. Segundo a polícia, Árlesom estava preso por roubo e Gernilson por 3 homicídios. Os quatro suspeitos de cometerem o crime ainda não foram presos, e o restante do corpo da vítima também não foi encontrado.

Mais Lidas