Connect with us

Manaus, AM,

POLICIAL

Três pessoas são presas e observatório de traficantes é destruído no Novo Aleixo

Publicado

em

Manaus – Deflagrada na manhã desta quinta-feira (1) na zona norte de Manaus, a Operação “Jejuardes”, da Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM), por meio da Polícia Civil e Polícia Militar, resultou na prisão de três pessoas, sendo uma em flagrante, e a destruição de um observatório construído por traficantes para monitorar o movimento na comunidade Nossa Senhora de Fátima 2, no Novo Aleixo, zona norte. A região é a mesma onde, na última sexta-feira (23/2), vinte traficantes foram presos com armas de grosso calibre.

Um efetivo de cerca de 300 policiais cumpriu mandados de prisão, busca e apreensão e fez uma varredura, principalmente, naquela localidade desde as primeiras horas da manhã. Sem asfalto e com residências construídas em áreas de risco, a comunidade é de difícil acesso às forças policiais. Em um morro, próximo a rua Bom Jesus, a polícia destruiu um ‘bunker’ (espécie de observatório) construído por traficantes ligados a uma facção criminosa para monitorar a movimentação na área. Quando a polícia chegou ao local, três homens armados, com fuzis, fugiram. Não houve confronto.

Foram cumpridos ainda mandados de prisão, em nome de José Augusto Campos Santos, 41, o ‘Guto’, por homicídio, e Carlos Bruno da Silva Gomes, 29, o ‘Buba’, preso por roubo. No conjunto Renato Souza Pinto, Cidade Nova, as equipes policiais prenderam, em flagrante, Elita Lima de Souza, 36, com uma pistola 9 mm, munições, balança de precisão, cordões, relógios e a quantia de R$ 7,4 mil em espécie. A mulher é esposa do homicida Julison Correa de Carvalho, conhecido como ‘Julinho do Areal’, preso no Compaj desde 2012.

Publicidade

Mais Lidas