Connect with us

Manaus, AM,

BRASIL

Policial civil mata PM a tiros após confusão em boate; Veja o vídeo

Publicado

em

Brasília – Um policial civil é suspeito de matar um policial militar a tiros na madrugada desta segunda-feira, 15/04, em uma boate cheia em Brasília. O crime aconteceu na casa noturna Barril 66 às margens da Estrada Parque Núcleo Bandeirante (EPNB), em Águas Claras, no Distrito Federal. Uma mulher também ficou ferida na perna e foi levada ao Hospital de Base do DF (HBDF). Ainda não há informações sobre seu estado de saúde.

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=2080770155503760&set=pb.100007123878214.-2207520000.1555341408.&type=3&theater

Os disparos ocorreram por volta das 3h. As imagens de segurança mostram que o policial militar Herison Oliveira Bezerra passa em frente ao agente da polícia civil, que não teve o nome divulgado. Eles se esbarram e sacam as armas. O civil então, efetua três disparos contra o tórax do militar, que cai no chão. Segundo testemunhas, os policiais já haviam discutido.

Confira o vídeo:

https://www.facebook.com/GLAUCIOMONTANAO1/posts/370979163628506?__xts__%5B0%5D=68.ARDIZ_4dq5fMY8XWofF4J9vBHnjrxg-2mr4_tIRPYF3lARQJOXOmB5Wq_liYxoCKP1p2PQDv5U82GRblKUS1v7OUaRTtFYg6PnMNk7Sd7tawHs64G3jZnUeXCoD9BZqSneEwUqfm83TosQTSjBXSeX6qVNicUeWgq1SIRJV0iPazLCV

A Polícia Militar do DF informa que o policial civil tentou fugir, mas foi preso por uma guarnição da PM. Ele assumiu o crime e foi conduzido preso para a 21ª DP (Taguatinga Sul), responsável por investigar o caso. O PM foi socorrido ao Hospital Regional de Taguatinga (HRT), mas não resistiu. 

Primeiro tenente da PM Herison de Oliveira Bezerra deixa mulher e filho adolescente – Reprodução/ Facebook

Herison Oliveira Bezerra deixa mulher, que testemunhou sua morte, e um filho adolescente.

O policial civil estava sendo ouvido pela Corregedoria da corporação no momento da publicação deste texto.

A esposa do PM postou em sua conta no Facebook sobre o sepultamento do marido

Fonte: O Dia



Mais Lidas