Connect with us

Manaus, AM,

AMAZONAS

Josué recusa cargo de governador em Exercício e vai contra projetos de interesse da população

Publicado

em

MANAUS – O presidente da ALE-AM, José Neto (PSD), foi acusado por deputados da base governista de conduzir irregularmente nesta terça-feira (10/12), as prévias da sessão de votações da Casa, mesmo ocupando o cargo de governador em Exercício. Em vez do Palácio da Compensa, Josué foi para a Aleam manobrar dentro do Poder Legislativo, contra projetos que entrariam em pauta e de interesse do governo Wilson Lima (PSC).

Após às 13h, tão logo tomou conhecimento de que a imprensa questionava sua presença na Aleam, Josué Neto mudou de tática e recusou o cargo de governador em Exercício, deixando o cargo vago para a presidência do Tribunal de Justiça do Amazonas, e voltou a ocupar a cadeira de presidente da Aleam para conduzir a sessão de hoje.

A sessão desta terça (10/12) era presidida pela deputada Alessandra Campelo, vice presidente da Ale/AM.

Segundo os aliados do governo, Josué não poderia estar atuando na Casa, porque, com a viagem do governador Wilson Lima (PSC) à Espanha e do vice, Carlos Almeida (PRTB), a Brasília, ele ficou respondendo pelo Executivo, como governador em exercício.

De acordo com relatos de deputados aliados do governo, o presidente-governador telefonava para os colegas de oposição, com objetivo de manobrar as votações e obstruir projetos de interesse do governo.

Mais Lidas