Connect with us

Manaus, AM,

SAÚDE

Delphina Aziz transfere pacientes que já estavam internados para outras unidades de saúde

Publicado

em

MANAUS – Após a mudança no perfil de atendimento do Hospital e Pronto-Socorro Delphina Aziz, que passou a ser exclusivo para os casos graves suspeitos/confirmados do novo coronavírus (Covid-19), o Governo do Estado está realizando, desde a última segunda-feira (23/03), a transferência dos pacientes que já estavam internados na unidade da zona norte por outras patologias.

A direção do Delphina Aziz esclarece à população que os pacientes remanejados para outros hospitais da capital estavam internados em recuperação pós-cirúrgica ou em decorrência de diversas doenças, como cardiopatias e outros problemas de saúde crônicos. A desocupação permite deixar o hospital exclusivo para atendimento da Covid-19.

“Os pacientes internados na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), principalmente na adulta, já foram todos transferidos, e hoje a gente está em processo de transferência dos pacientes internados na enfermaria, principalmente os da clínica médica. A gente já fez a transferência de mais de 60% dos pacientes da clínica médica, então restam poucos pacientes ainda a serem transferidos”, explicou a diretora técnica do Delphina Aziz, a infectologista Mayla Borba.

Segundo ela, as transferências são realizadas para diferentes hospitais de apoio na capital, de acordo com a disponibilidade de leitos. “Conforme a unidade tiver leito, a gente faz a transferência do paciente. A gente está enviando para todas as unidades, HPS 28 de Agosto, João Lúcio, Adriano Jorge, todas as unidades têm nos ajudado nessa transferência dos pacientes”, acrescentou a diretora técnica.


Fake news – Durante a atualização de informações sobre o novo coronavírus no Amazonas, transmitida pelas redes sociais do Governo do Estado neste domingo (29/03), o secretário de Saúde, Rodrigo Tobias, reforçou que o fluxo interno do Delphina Aziz foi modificado e fez um alerta sobre a veiculação de fake news sobre a transferência dos pacientes da unidade. 

“Estamos transformando toda a estrutura do hospital Delphina Aziz para acomodar somente os casos (de coronavírus) que precisam de cuidados intensivos, seja de estrutura de oxigênio ou a estrutura propriamente dita de intubação e UTI. É importante destacar isso para que a sociedade entenda e não acredite em fake news de que todas as pessoas que estão saindo do Delphina têm coronavírus e estão espalhando coronavírus nas outras unidades da capital. Isso não é verdade”, frisou o secretário.

Publicidade

Mais Lidas