Connect with us

Manaus, AM,

POLICIAL

Rafael confessa ter matado a miss por ciúmes e que tentou esconder o corpo

Publicado

em

MANAUS – Rafael Fernandez confessou ter assassinado a miss manicoré Kimberly Mota e ainda tentou esconder o corpo da vítima. As informações foram dadas durante coletiva na noite deste sábado (16), pelo delegado titular da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestro (DEHS), Paulo Martins.

Na noite de hoje Rafael chegou em Manaus, ele que estava no município de Pacaraima.

Segundo informações da polícia, a caminho de Manaus Rafael confessou que matou a miss e logo após o crime ele ligou para o pai o qual tentou convencê-lo de se entregar, mas Rafael decidiu fugir.

De acordo com a polícia Rafael ainda relatou o momento de como aconteceu o crime ”ele disse que ela foi ao banheiro e deixou o celular perto da cama, ele viu uma mensagem no celular dela e não gostou, e nesse momento foi na cozinha e escondeu a faca atrás dele e assim que a vítima se distraiu ele deu a primeira facada e ela não teve reação, como a primeira facada foi muito violenta, segundo ele (Rafael)”, depois disso Rafael ainda continuou e deu as outras duas facadas em Kimberly.

Ainda com informações da polícia após o crime Rafael tentou esconder o corpo de Kimberly, como a vítima sangrava muito ele levou o corpo para banheiro e o lavou na tentativa de vesti-la e tirá-la de dentro do apartamento, mas não conseguiu, foi neste momento que ele abandonou o corpo e fugiu.

”Ele se vestiu e pegou o carro e foi em direção a Venezuela, ele foi até AM-010 errou o caminho retornou e entrou na 174 no sentido de Boa Vista … ele capotou o veículo e conseguiu escapar com vida, ele sofreu leves ferimentos e foi socorrido por motorista de caminhão. Em Pacaraima ele tentou atravessar a fronteira mas não conseguiu por causa dessa situação do coronavírus, e pediu ajuda do venezuelanos e inclusive ele disse que um venezuelano tentou passar ele da barreira mas não conseguiu e quase o mataram, ele teve que paga mil e pouco (para os venezuelanos) pra poder voltar”, disse delegado Paulo Martins.

Segundo o delegado, Rafael tem conhecimento que o pai cometeu suicídio e estar se culpando pela morte do pai. Rafael já possui um advogado e ficará a disposição da justiça.

Mais Lidas