Connect with us

Manaus, AM,

POLICIAL

Jovem é atropelada e morta por ex-namorado inconformado com o término

Segundo polícia, Nayara da Silva, de 21 anos, foi atingida por um carro quando pedia ajuda por estar sendo perseguida pelo ex-namorado e um amigo

Publicado

em

São Paulo –  Nayarada Silva, de 21 anos, morreu depois de ser atropelada na rodovia Padre Manuel da Nóbrega, em Itanhaém, no litoral paulista. Segundo informações da polícia, a vítima foi atropelada quando pedia ajuda depois de ter sido atacada pelo ex-namorado.

O principal suspeito ainda está foragido. Outro homem envolvido no crime foi preso e colabora com as investigações. Ele é amigo do ex-namorado da vítima e dono do carro usado para perseguir Nayara.

Nayara morreu atropelada por outro veículo quando já estava na avenida após ter sido atingida pelo carro do ex. Depois de ouvir o depoimento do idoso responsável pelo atropelamento, a polícia percebeu incoerências no caso. Uma delas é o fato de Nayara estar correndo no meio da avenida, aparentemente, pedindo socorro.

Ao descobrir o nome do ex companheiro de Nayara, a polícia chegou a um boletim de ocorrência feito depois que o homem foi até o trabalho da vítima e ameaçou um dos colegas da jovem.

De acordo com a polícia, no domingo (17), os dois envolvidos no crime estavam em um churrasco quando decidiram realizar o atentado. Após concluírem o plano, eles voltaram para a mesma festa. Segundo um dos suspeitos, a jovem estava grávida, fato que teria motivado o crime.

O veículo utilizado pelos homens foi apreendido pela polícia, mas não apresentava marcas de batida. Foi então que os agentes chegaram até o funileiro, que confirmou ter consertado o carro. Ele disse que quem pagou pelo serviço foi o ex-namorado de Nayara.

Mais Lidas