Connect with us

Manaus, AM,

BRASIL

“Podem vir, canalhas”, responde jornalista após ameaça de Arthur Weintraub

George Marques reagiu ao anúncio do irmão do ex-ministro de que seria processado após crítica à nomeação do bolsonarista ao Banco Mundial

Publicado

em

Brasil – Arthur Weintraub, irmão do ex-ministro da Educação e assessor especial do governo Bolsonaro, tem ameaçado jornalistas e influenciadores que se posicionam contra a indicação de Abraham Weintraub ao cargo de diretor-executivo do conselho do Banco Mundial.

O primeiro alvo foi o jornalista George Marques, que foi ameaçado de processo. “Plantão processinho, seu amiguinho. Mais dois processinhos. Já printei e guardei links (lembrem-se de guardar link pra processar. Facilita o processo). Esse aí vai é responder no cível e criminal com o CPF dele. Vai lutar bastante”, ameaçou Arthur, orientando aliados a fazerem o mesmo.

Marques criticou a indicação de Weintraub ao BIRD nesta sexta. “Moral da história: você pode ser um terrorista da extrema-direita, pregar fechamento do STF, mas se você tiver os amigos certos conseguirá fugir do Brasil, com a ajuda de diplomatas do Itamaraty, e ainda por cima ganhar um cargo no Banco Mundial, recebendo 4 vezes mais do que no Brasil”, tuitou.

Após as ameaças, Marques respondeu: “O irmão do extremista Abraham Weintraub, que acabou de ser premiado com uma boquinha no Banco Mundial, acha que me intimida com ameaça de processo. Sou bloqueado pelo @ArthurWeint, então vai um recado: pode vir, seus canalhas, que ordinários como vocês eu não tenho medo”.

“Engraçado que os valentes querem liberdade de expressão para pedir prisão dos ‘vagabundos do STF’, mas não querem crítica”, ironizou ainda.

Mais Lidas