Connect with us

Manaus, AM,

POLÍTICA

Presidente da Aleam acerta contrato milionário com empresa da própria irmã e aliados políticos

Publicado

em

Amazonas – O presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (ALEAM), deputado Josué Neto desde que ingressou no poder público, tem mantido contratos com empresas de publicidade cujos proprietários são de procedência duvidosa. Os altos valores dos contratos são responsáveis pelo enriquecimento de empresários, que ao que tudo indica, são amigos íntimos e até familiares do deputado.

Segundo consta em documentos apurados pela imprensa local, nos últimos 17 anos, o presidente da ALEAM, favoreceu a empresa Criae Design e Publicidade, dos empresários José Loureiro da Silva Netto e Orlando Coimbra Neto, com o faturamento de R$ 8 milhões. Atualmente a empresa é alvo de investigação do Ministério Público do Estado (MPE-AM) por suspeita de irregularidades em contrato com a ALEAM.

Outra empresa contratos permanentes na casa do povo é a Lorena Publicidade e Comunicações LTDA, que coincidentemente tem o mesmo nome da irmã de Josué, Lorena Souza, e que, apesar de ter porte nominal micro e faturamento presumido entre R$ 81 mil a 360 mil, recebeu da Assembleia Legislativa valores muito maiores no início de sua criação que também coincide com o período que Josué Neto assumiu, pela primeira vez, o comando da ALEAM.

No Portal da Transparência, a empresa Lorena Publicidade apareceu pela primeira vez prestando serviços ao Estado, em agosto de 2008, no mesmo período que Josué iniciava sua carreira no Poder Legislativo Estadual. A empresa foi contratada para veicular campanha institucional do Programa Social e Ambiental dos Igarapés de Manaus (Prosamim) e recebeu, na época, R$ 191.413,57.

Quatro meses depois, em dezembro, a mesma empresa Lorena Publicidade foi contratada pela Empresa Estadual de Turismo do Amazonas (AmazonasTur), para apresentar shows folclóricos de Caprichoso e Garantindo, no WEC 2009 – Semana de Engenharia, evento que aconteceria no ano seguinte, pelo valor de R$ 62.640. Em dezembro, também apareceu na lista de pagamentos da ALEAM, vencendo uma concorrência para prestar serviços de publicidade, no valor de R$ 38.500.

A relação de Josué Neto com a empresa da irmã continuou no ano seguinte, quando em 2009, a Lorena Publicidade celebrou vários contratos públicos, nos valores exorbitantes de R$ 18 mil e R$ 81 mil. Entre eles o da AmazonasTur para apresentações folclóricas em diversas cidades do País.

A “sociedade” entre os irmãos ‘Souza’ não para. Somente neste período, a Lorena fatura junto ao Estado mais de R$ 350 mil, no mesmo ano em que a ALEAM assinou seu primeiro termo aditivo com a empresa. Meses depois, um segundo termo aditivo, que ampliava novamente o valor do contrato original, entre a Lorena e Assembleia, é assinado, já em fevereiro de 2010.

No ano seguinte, em 2011, a empresa da irmã do presidente da Assembleia, Lorena Publicidade, assina contrato exclusivo com a ALEAM e fatura R$ 605.996,10. No ano seguinte, 2012, o valor pago pela Assembleia, salta para R$ 1.141.539,04.

Ao passo que Josué Neto, presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas ganha espaço se fortalecendo na casa, a empresa de Lorena cresce também em ritmo acelerado. Fazendo um comparativo, enquanto que em 2014, dois anos de empresa e de Josué na presidência, a Lorena Publicidade dobrou os valores recebidos dos cofres públicos, aumentando seu faturamento para R$ 2.658.545,26

Em 2016, ano da crise econômica que atingiu o Brasil, a Lorena faturou mais de R$ 800 mil para prestar serviço de clipagem, “jargão técnico de área de comunicação dado a compilação de todas as matérias que mencionam a Casa em um determinado dia”, valor fora do mercado para esse tipo de prestação de serviço. O contrato foi questionado pela imprensa local e atualmente o valor gasto nesta contratação não consta no Portal da Transparência.

Posteriormente , nos anos de 2017 e 2018, o ex-deputado David Almeida, reduziu os valores dos contratos da agência para R$ 716.606,45, em 2017 e R$ 397.955, em 2018.

No ano seguinte, 2019, a empresa que prestou serviços para a Aleam e enriqueceu exorbitantemente encerram as atividades da empresa. Porém, outra empresa entra em cena com as mesmas regalias. A Criae Publicidade, que já recebeu da Casa Legislativa mais de R$ 3,5 milhões, entre fevereiro e junho de 2020.

O fato curioso é que a empresa está no mesmo endereço das empresas anteriores, na Rua Luiz Antony, 1070, bairro Centro, zona sul de Manaus. Ao que tudo indica é uma espécie de “loop eterno” o superfaturamento das empresas contratadas por Josué.

Mais Lidas