Connect with us

Manaus, AM,

SAÚDE

Amazonas vai reforçar a rede de saúde com mais 150 novos equipamentos

Publicado

em

Amazonas – A Secretaria de Estado de Saúde (Susam) iniciou o processo para aquisição de mais de 150 aparelhos médicos, que vão equipar as unidades de saúde da capital e interior do estado. A ação faz parte do projeto de reestruturação e modernização da secretaria que o Governo do Amazonas está promovendo na saúde.

A fim de equipar e modernizar o atendimento prestado à população, a Susam iniciou o processo para compra de ultrassom com doppler colorido, ressonância magnética, tomógrafo, sonares fetais, aparelhos de raio-X digital, carrinhos de anestesia, foco cirúrgico e bisturis elétricos que irão, na avaliação do secretário titular interino da Susam, Marcellus Campêlo fortalecer o atendimentos nos hospitais da rede. 

A aquisição será realizada por meio das atas de registro de preços vigentes na Central de Serviços Compartilhados (CSC). De acordo com Campêlo, entre as vantagens da aquisição desse tipo de item via pregão eletrônico está a transparência.

Todo o trâmite é feito por meio do portal de compras do Estado do Amazonas (www.e-compras.am.gov.br) e em observância aos ditames da Lei de Licitações (Lei nº 8.666/1993).

Unidades contempladas – Ao todo, 17 unidades receberão os novos equipamentos, entre elas quatro infantis, sete maternidades, os principais prontos-socorros da capital, além da Fundação Hospital Adriano Jorge, Policlínica Cardoso Fontes e Hospital Francisca Mendes.

De acordo com o secretário executivo de Atenção Especializada da Capital (SEA-Capital), Thales Schincariol, a necessidade de aquisição foi levantada junto às unidades.

Outra necessidade da rede que está sendo atendida via ata de registro de preço é a aquisição de carrinhos de anestesia, item primordial para as cirurgias eletivas e de urgências. Ao todo, a Susam vai contar com 12 novos equipamentos. Os carrinhos atenderão cinco maternidades, o Hospital Francisca Mendes, Instituto da Criança do Amazonas (Icam) e três prontos-socorros da capital.

 

Mais Lidas