Connect with us

Manaus, AM,

CORONAVÍRUS

Boletim mostrará gráfico de óbitos durante o pico da pandemia no AM

Publicado

em

MANAUS – A partir da edição desta quarta-feira (19/08), o Boletim Diário Covid-19 da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM) passa a incluir um gráfico específico com dados oriundos do processo de revisão e qualificação de óbitos ocorridos em meses anteriores. A reclassificação segue os novos critérios do Guia de Vigilância Epidemiológica do Ministério da Saúde, que passou a considerar óbitos por Covid-19 também por critérios clínicos e exames de imagens.

Por meio do gráfico, é possível verificar a reclassificação por data de ocorrência dos óbitos que atendem aos critérios de Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag-não especificado), realizado pela Secretaria Municipal de Saúde de Manaus.

Nesta edição, foram reclassificados quatro óbitos antigos das seguintes cidades do interior: (1) Manacapuru, (1) Santo Antônio do Içá, (1) Codajás e (1) Ipixuna, totalizando 3.537 óbitos por Covid-19 no Amazonas. É importante salientar que os novos critérios de encerramento de óbitos por Covid-19 elevam os dados gerais, mas não refletem o momento atual, pois tratam-se de óbitos em investigação que ocorreram no pico da pandemia e que agora, serão incluídos na contagem geral do Amazonas.

Entre os óbitos que ocorreram de abril a junho, durante o pico da pandemia do novo coronavírus, 177 foram investigados e 148 foram reclassificados para Covid-19 até esta quarta-feira (19/08), aumentando o número geral de mortes pela doença.

Além disso, desde segunda-feira (17/08), a FVS-AM inclui, na edição do Boletim Diário, os gráficos detalhados dos últimos quinze dias dos principais indicadores, tais como: hospitalizações, casos confirmados, óbitos das últimas 24 horas e diagnósticos por exame RT-PCR ou teste rápido, que demonstram o cenário atual da pandemia no estado.

Mais Lidas