Connect with us

Manaus, AM,

ELEIÇÕES 2020

Alberto Neto é desmascarado em menos de 24 horas, homem preso era trabalhador

Publicado

em

O teatro armado pelo candidato a prefeito de Manaus, Capitão Alberto Neto (Republicanos), vem sendo desmantelado em confronto a diversas informações que vieram átona na noite de hoje, quinta-feira (07). A mais recente constata que o suposto bandido preso pelo candidato a prefeitura, na verdade é inocente e estava indo para o trabalho, até ser atuado injustamente pelo capitão.

o rapaz que se chama Adão, é pedreiro e gravou um vídeo, juntamente do delegado Costa e Silva, em que explica que foi constrangido de forma gratuita pelo capitão, que destruiu completamente a sua imagem.

“Um rapaz dentro do ônibus no terminal dois falou que eu tinha ‘pegado’ o celular dele, sendo que não tinha acontecido isso comigo. Chegamos na delegacia, revistaram minha bolsa de ferramentas, revistaram tudo. Eu sou pedreiro, entendeu, e eu tava a caminho do serviço, e não encontraram nada comigo.” Disse Adão, que afirma que teve a imagem prejudicada pela atitude do candidato.

Além do relato do pedreiro, a Policia Civil do Amazonas veio a público esclarecer que até o momento não foi encontrado o registro da emissão de Boletim de Ocorrência sobre homem preso pelo candidato a prefeito de Manaus, Capitão Alberto Neto.

Procurada, a SSP (Secretaria de Segurança Pública) informou que a ocorrência deveria ser consultada junto à Polícia Civil. A PC informou que em buscas no Sistema Integrado de Segurança Pública (Sisp) não foi achado nenhum BO sobre o caso até então.

“Em atenção a sua demanda, informamos que durante buscas no Sistema Integrado de Segurança Pública (Sisp), até o momento não foi encontrado registro de Boletim de Ocorrência (BO), com as informações repassadas, sobre o caso solicitado”, informou a PC.

Mais Lidas