Connect with us

Manaus, AM,

MUNDO

China proibirá criação comercial de 45 espécies de animais

Publicado

em

De acordo com informações do jornal chinês The Paper, até o final deste ano será proibida na China a criação comercial de 45 espécies de animais silvestres, o que inclui civetas, ouriços, porcos-espinho e texugos.

A iniciativa veio em consequência da intensificação do surgimento de doenças zoonóticas, como a pandemia de covid-19.

Segundo a publicação, o governo chinês considera mais viável proibir a criação desses animais do que fiscalizá-la em decorrência dos riscos envolvidos. A recomendação é de que espécies silvestres que estão fora da lista também não devem ser criadas com fins de comércio.

Há uma estimativa de que na China há 14 milhões de pessoas vivendo em áreas rurais pobres que sobrevivem a partir da criação de animais silvestres. No entanto, a Administração Nacional de Florestas e Pastos anunciou que os habitantes devem parar de criar esses animais e solicitar compensação por perda de renda.

Créditos: Vegazeta

Mais Lidas