No lado esquerdo (Neiva), lado direto Vanderlei com a comida e sendo agredido - Foto: Reprodução

A empresária Neiva Michelon Picoli, dona do supermercado Milani, registrou em vídeo suas agressões contra o pedreiro desempregado, Vanderlei Rafael da Silva, na última quinta-feira, 28/03, após ele furtar comida dentro de sua empresa na cidade de Matinhos, no litoral do Paraná.

Nas imagens aparece o senhor sendo humilhado do lado de fora do supermercado, os funcionários levantam a camiseta dele e abaixam parte da bermuda para pegar parte dos alimentos que ele furtou, então a mulher dá um tapa na cara dele, e exige que ele pague pelos produtos e fala que vai chamar a polícia, logo depois ela o xinga e pede que ele nunca apareça ali.

O caso ganhou repercussão nacional, chamando atenção de artistas brasileiros que ficaram indignados e decidiram ajudar o homem que foi agredido e humilhado depois de furtar pão e linguiça para comer. É o chamado “furto famélico”, para matar a fome e que não é caracterizando como crime se for comprovada a situação de penúria da pessoa.

De acordo com a Delegacia de Polícia de Matinhos, a direção do mercado não registrou boletim de ocorrência. Mesmo assim, o caso ganhou repercussão na cidade e um homem foi até a casa de Vanderlei para ver de perto as condições em que ele vive. O homem gravou e divulgou um vídeo mostrando a pobreza da casa e o pedido de desculpas de Vanderlei pelo que fez.

A cantora MC Mirella soube do caso e foi até a casa de seu Vanderlei. Depois da pobreza que viu, ela entrou na história com a ajuda de outros artistas.

Ela prometeu em suas redes sociais que vai abastecer de comida, por um ano, a casa de Vanderlei e lançou uma vaquinha virtual para arrecadar R$ 30 mil para ajudar o homem. “Juntos somos mais fortes e gostaríamos que você que pode ajudar e se sensibilizou com a história do Vanderlei nos ajude a fazer com que ele não passe nunca mais por essa situação. #todosporvanderlei”, diz a página da campanha.

Meta estourada

O funkeiro Kevinho e o humorista Carlinhos Maia apoiaram a vaquinha e horas depois a campanha estourou a meta. A vaquinha tinha por objetivo arrecadar R$ 30 mil. Até sexta-feira, 29/03, o total arrecadado já tinha alcançado mais de R$ 66 mil.

Assista ao vídeo que McMirella fez na casa de Vanderlei:

O supermercado Milani emitiu uma nota em sua página do Facebook

Nota de esclarecimento Supermercado Milani

Posted by Supermercado Milani on Thursday, March 28, 2019

Comentários

Comentários