O médico veterinário Lenilson Filho, de 31 anos, vítima de uma postagem inverídica em um perfil do Facebook de Francimara de Lima Silva (Mara Lima), foi encontrado morto no último domingo (24) em sua residência, na rua 03 do bairro Alvorada, Zona Centro-Oeste de Manaus.

Lenilson foi vítima de uma postagem inconsequente que teve mais de 1.300 compartilhamentos, causando um grande abalo em sua vida profissional e pessoal.

A postagem difamatória foi deletada do Facebook, após o médico postar uma nota de esclarecimento.

NOTA DE ESCLARECIMENTODiante da repercussão que assumiu a postagem mentirosa sobre a minha pessoa, publicada na pagina…

Posted by Lenilson Filho on Wednesday, October 4, 2017

 

Lenilson também fez um o registro de boletim de ocorrência informando o crime, autorizando a polícia a investigar a situação e dá andamento a um processo judicial contra a autora dos ataques e ofensas.

A usuária, autora da publicação fez uma retratação no seu perfil do Facebook, para amenizar a situação.

Alguns amigos da vítima disseram que ele estava muito triste, o post teria prejudicado a sua reputação profissionalmente, ferindo sua honra. Lenilson  chegou a pedir demissão da Faculdade o qual  ministrava aulas.

A polícia suspeitou que o veterinário tenha cometido suicídio, e que o mesmo tenha aplicado uma dose altíssima de anestésico, que causou a sua morte.

Peritos do Instituto Médico Legal (IML) e policiais militares estiveram na residência da vítima.

Houve muita comoção nas redes sociais por parte da familiares e amigos do médico veterinário. Ele era conhecido como um excelente especialista em dermatologia animal.

Estudo analisa fatores em alto índice de suicídio entre veterinários

Os veterinários possuem maior risco de suicídio do que outras profissões. Fatores predisponentes envolvidos no suicídio podem ser identificados em diversas fases da carreira de um veterinário, podem ter dificuldades em lidar com as pressões de sua carreira escolhida.

O estudo completo pode ser encontrado na edição de março de 2010 da Veterinary Record.

Comentários

Comentários