São Paulo – O presidente Jair Bolsonaro (PSL) foi vaiado e aplaudido por três vezes durante as celebrações pelo dia de Nossa Senhora Aparecida, no sábado, 12, no Santuário Nacional dedicado à santa, na cidade paulista de Aparecida. As informações são do UOL.

As vaias e aplausos ocorreram simultaneamente em dois momentos: quando Bolsonaro entrou na basílica e quando seu nome foi anunciado pelo irmão Carlos Cunha, que conduzia a missa.

Bolsonaro foi aplaudido novamente quando participou diretamente da missa, lendo um trecho do livro bíblico de Ester. Foi vaiado e aplaudido uma terceira vez quando foi anunciado pelo arcebispo de Aparecida, dom Orlando Brandes.

Esta é a primeira visita de um presidente ao santuário no dia 12 de outubro, e a segunda de um mandatário no cargo. A outra foi de Fernando Henrique Cardoso, em maio de 1998, na inauguração do Centro de Apoio ao Romeiro. A basílica passou a receber atividades religiosas em definitivo em 1982.

Bolsonaro já havia visitado a basílica em novembro do ano passado, como presidente eleito. O Santuário Nacional de Aparecida espera a visita de 171 mil pessoas ao longo do sábado.

Veja o vídeo:

O presidente compareceu ao santuário com o ministro da Secretaria-Geral da Presidência, Jorge Oliveira; o deputado federal Hélio Bolsonaro (PSL-RJ); e o deputado estadual paulista Gil Diniz (PSL).

Comentários

Comentários