Manaus – As demissões em massa na TV Amazonas voltaram a ocorrer. Desta vez os cortes atingiram os jornalistas Cleo Pinheiro e Raphael Pimentel. Profissionais da empresa contam que as demissões acontecem em meio à crise e à nova política da rede de cortar custos. Desde que o trio formado Phelippe Daou, Milton Cordeiro e Joaquim Margarido morreu, os cortes têm sido comuns.

Em novembro de 2017, o jornalista Dudu Monteiro de Paula foi demitido da TV Amazonas após 43 anos de casa. No ano passado, a repórter Flávia Rezende também foi demitida.

O jornalista Rapha Pimentel publicou uma nota no Facebook. “Foram 8 anos de muito aprendizado e dedicação. Saio feliz pela oportunidade de ter me comunicado e conhecido tanta gente incrível ao longo do caminho” disse.

Mais quatro cinegrafistas foram demitidos. De acordo com os funcionários, mais de 20 profissionais foram desligados desta vez.

Comentários

Comentários