Foto: reprodução

O prefeito do Rio de Janeiro (RJ), Marcelo Crivella (PRB), anunciou na noite dessa quinta-feira (05/09/2019) que determinou aos organizadores da Bienal do Livro, evento promovido em um centro de exposições da zona oeste, que recolham um livro que, segundo ele, oferece “conteúdo sexual para menores”.

Trata-se da novela gráfica (história em quadrinhos) Vingadores – A Cruzada das Crianças, da Marvel Comics. Na obra, que foi lançada em 2010 e não é destinada ao público infantil, os personagens Wiccano e Hulkling são namorados.

Segundo Crivella, que postou um vídeo nas redes sociais anunciando a determinação de recolhimento da obra, “livros assim precisam estar em um plástico preto, lacrado, avisando o conteúdo”.

Em texto que acompanha o vídeo, o prefeito escreveu: “Pessoal, precisamos proteger as nossas crianças. Por isso, determinamos que os organizadores da Bienal recolhessem os livros com conteúdos impróprios para menores. Não é correto que elas tenham acesso precoce a assuntos que não estão de acordo com suas idades”.

Na postagem o prefeito não esclarece com base em qual norma legal emitiu a determinação, se o livro foi efetivamente recolhido nem se a prefeitura vai aplicar alguma punição caso a determinação não seja cumprida.

No Twitter, muitos internautas criticaram a atitude do prefeito. “Proteger as crianças é dar saúde, educação, moradia digna, e não censurar algo que nem tabu deveria ser pra qualquer um com o mínimo de humanidade”, escreveu um internauta. A reportagem não conseguiu ouvir a Bienal sobre a determinação do prefeito, na noite desta quinta-feira.

Fonte: Estadão

Comentários

Comentários