Manaus|AM – Luís Fernando Monteiro de Araújo, 21 anos, foi preso no último sábado, 27/01, na comunidade do Tupé, no bairro Tarumã-Mirim, na Zona Rural da capital. 

De acordo com a delegada Débora Mafra, titular da Delegacia Especializada em Crimes Contra a Mulher (DECCM), o criminoso estava sendo procurado há dois meses por torturar a ex-companheira.

Na Comunidade do Julião, na Reserva de Desenvolvimento Sustentável (RDS) do Tupé, ele é acusado de abusar sexualmente de uma criança de 9 anos que estava indo para igreja, e mantê-la em carcere privado das 17h as 21h, ela relatou que passou em frente da casa do suspeito, ele ofereceu bombom para ela e disse que na casa dele tinha mais bombom, Luís Fernado conseguiu prender a menina no banheiro da casa, quando entrava no banheiro, passava a mão nas partes íntimas da criança, uma das vezes que ele entrou no banheiro ele esqueceu de trancar e ela conseguiu fugir.

Luís Fernando, foi capturado por populares que o entregaram para policiais militares. Ele queimou os braços, pés, seios, ânus, e a espancou com socos no rosto, cortou os cabelos dela e ainda a forçou a beber a própria urina.

O acusado foi apresentado na manhã desta segunda-feira, 29, na Delegacia da Mulher (DECCM), ele não quis dá entrevista, a delegada disse que ele tem o perfil que pode chamar de um psicopata.

O homem foi autuado em flagrante por tortura, estupro de vulnerável e carcere privado. Após os procedimentos cabíveis no prédio da DECCM ele será encaminhado à Cadeia Pública, onde irá permanecer à disposição da Justiça.

Comentários

Comentários