Foto: Divulgação

Dois dias após o lançamento do aplicativo “Manaus+Luz” pelo prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, foram registradas mais de 360 solicitações nos serviços de manutenção da iluminação pública da cidade. A ferramenta foi desenvolvida como novo canal para o cidadão solicitar serviços na iluminação pública, sendo gratuita para smartphones e tablets, disponível nas plataformas Android e iOS.
 
Como parte das ações do programa Cidade Inteligente, o aplicativo é resultado de uma parceria entre a concessionária Manausluz e a Unidade Gestora Municipal de Abastecimento de Energia Elétrica (UGPM Energia), estrutura vinculada à Secretaria Municipal de Parcerias e Projetos Estratégicos (Semppe).
 
A secretária da Semppe, Maria Josepha Chaves, informou que dos pedidos registrados pelo aplicativo, 50% já haviam sido atendidos e os demais estavam em atendimento, dentro do prazo estipulado de 48 horas para resolução da solicitação.

O cidadão pode registrar três tipos de problemas detectados no sistema de iluminação pública da cidade: lâmpada apagada, lâmpada acesa durante o dia e lâmpada oscilando, indicando o endereço e os pontos de referências com o auxílio do mapa disponível no aplicativo.
 
O histórico com todos os protocolos abertos por cada usuário ficará registrado no sistema, podendo ser acompanhado ao acessar o aplicativo. Para entrar com o pedido, o cidadão deve fazer o cadastro inicial, fornecendo dados como nome, número do CPF e o e-mail. Cada solicitação terá um prazo de 48 horas para ser executado.
 
Embora tenha o aplicativo, o serviço de atendimento à população pelo ‪0800 201 0001‬ continuará em pleno funcionamento 24 horas, para tratar sobre iluminação pública.
 
Atualmente, Manaus possui mais de 127 mil pontos de iluminação pública, das quais 49,6 mil são luminárias de LED instaladas, representando em torno de 39% da rede de iluminação pública da cidade.

Manaus + Luz: Prefeitura e a população juntas por uma cidade mais iluminada e segura

Comentários

Comentários