Na noite de sexta-feira (27), um adolescente que não teve o nome revelado, foi espancado por um grupo de homens no conjunto Viver Melhor, zona norte de Manaus. A mãe do jovem, 37, que não quis se identificar, disse que o filho ainda teve os cabelos cortados por ser homossexual. 

O crime aconteceu quando o jovem saiu de casa por volta das 20h para visitar a sua tia, que mora no bairro Cachoeirinha, quando foi abordado pelos homens, uma vizinha que passava pelo local avisou a mãe do adolescente que ele teria sido espancado.

A mãe conta que ele foi agredido com pedaços de madeira, e afirma que o filho foi vítima de homofobia. O adolescente foi encaminhado para o Hospital e Pronto Socorro João Lúcio, onde passou por cirurgia e aguarda laudo médico. Nenhum dos suspeitos foi preso. 

Comentários

Comentários