Fabíola Rodrigues Pinto de Oliveira, de 31 anos (esposa do advogado), Maurício Carvalho Rocha, 35, e Yuri Paiva, 46, que foram baleados pelo delegado da Polícia Civil Gustavo Sotero na madrugada deste sábado (25) no Porão do Alemão, zona oeste de Manaus, receberam alta do Hospital e Pronto-Socorro 28 de Agosto. 

Fabiola Rodrigues Pinto de Oliveira, de 31 anos, foi atingida na perna esquerda. Yuri Paiva, de 45 anos, foi baleado no abdômen e Maurício Rocha, 35, foi atingido no dorso esquerdo.

Entenda o caso

O delegado Gustavo Sotero matou a tiros o advogado Wilson Justo na madrugada deste sábado na casa de shows Porão do Alemão. O advogado chegou a ser levado para o Pronto-Socorro e Hospital 28 de Agosto, mas acabou falecendo.

O corpo do advogado será velado às 13h na Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Amazonas (OAB-AM). 

Comentários

Comentários