MANAUS – Em reunião com ministros e governadores da Amazônia Ocidental, nesta terça-feira (03), na sede do Governo do Estado, Wilson Lima apresentou relatório de monitoramento de queimadas no Amazonas, que aponta, nos primeiros dois dias de setembro, uma redução de 24% nos focos de calor, em relação ao registrado em igual período de 2018. O balanço também aponta que, neste ano, 86% das queimadas se concentram na região sul do Amazonas.

A reunião, que teve início por volta das 10h, conta com a presença dos ministros da Casa Civil da Presidência, Onyx Lorenzoni; do Meio Ambiente, Ricardo Sales, e da Defesa, general do Exército, Fernando Azevedo e Silva, e o secretário geral da Presidência, Jorge Antônio de Oliveira.  Participam os governadores do Acre, Gladson Cameli, de Roraima, Antonio Denarium, e de Rondônia, Marcos Rocha.

Em seu discurso, o governador Wilson Lima destacou a importância da reunião para tratar de medidas permanentes para a questão das queimadas e do desmatamento ilegais e reconheceu o empenho do Governo Federal em discutir, em detalhes, as prioridades de cada estado da Amazônia.

“O que acontece agora é resultado de uma série história. Todos os anos temos os mesmos problemas e, se nenhuma atitude for tomada a partir de agora, no ano que vem, nós vamos continuar ter os mesmos problemas. Então aqui o nosso reconhecimento ao empenho do Governo Federal no sentido de vir aqui, nos ouvir”, afirmou Wilson Lima.

Após a reunião, haverá entrevista coletiva e almoço da comitiva federal com os governadores, na sede do Governo. Os ministros retornam a Brasília por volta das 16h desta terça-feira.

Comentários

Comentários