Foto: Divulgação

O Governo do Estado, por meio da Agência de Fomento do Estado do Amazonas S.A. (Afeam) – em parceria com o Fundo de Promoção Social e Erradicação da Pobreza (FPS) – realizou, nesta terça-feira, 30/04, a primeira liberação de recursos do programa Crédito Solidário, na ordem de R$ 76 mil, para 39 empreendedores de diversos setores econômicos. A solenidade de entrega dos cheques ocorreu na sede da Afeam, localizada na avenida Constantino Nery, zona centro-oeste da cidade, e contou a presença da primeira-dama do Estado, Taiana Lima.

“Estou muito feliz de participar deste momento que é muito importante para muitas famílias do nosso estado. A entrega desse cheque que acabamos de fazer vai ajudar o pequeno empreendedor, a costureira, o artesão, entre outros. Eu quero parabenizar a Afeam e o FPS por estarem entregando a oportunidade do negócio próprio às nossas famílias. Quero deixar em nome do meu esposo, o governador Wilson Lima, um abraço e desejar sucesso a todas as famílias”, declarou a primeira-dama.

De acordo com o diretor-presidente da Afeam, Marcos Vinicius Castro, a concessão de crédito orientado mostra-se como uma nova oportunidade de crescimento profissional por meio do trabalho autônomo. “É uma forma de o governador dar oportunidade não só ao grande, mas àquelas pessoas que não conseguem acessar o sistema bancário convencional. Esse dinheiro tem que dar oportunidade para essas pessoas, que elas paguem, montem seus negócios e cresçam. É uma diretriz do novo governo. A Afeam pretende investir R$ 1,5 milhão, neste primeiro semestre, em toda a Região Metropolitana de Manaus”, destacou Marcus Vinicius.

Beneficiados – Entre os novos clientes da agência, 17 são moradores do Educandos, vítimas do incêndio que atingiu o bairro, no dia 17 de dezembro de 2018. As demais foram selecionadas no Centro Estadual de Referência e Apoio à Mulher (Cream). Os principais ramos de atividades das pessoas beneficiadas com a liberação dos recursos são do comércio varejista, seguido de alimentação, serviços e comércio do ramo da beleza.

Ex-moradora do bairro Educandos, Vanessa Souza conta que pretende recomeçar a vida ao lado do esposo com o crédito recebido nesta terça-feira. “Eu pretendo fazer com esse dinheiro que me emprestaram é investir num armarinho, que eu já tinha antes, só que no incêndio queimou tudo. Vou investir para eu crescer e ter oportunidade”.

Crédito Solidário – O programa Crédito Solidário possibilita o acesso ao crédito para pessoas em situação de vulnerabilidade social, especialmente fragilizadas pelo desemprego. O FPS atua como órgão gestor do programa fazendo a seleção e triagem dos possíveis participantes do Crédito Solidário, onde é possível obter financiamentos de R$ 200 a R$ 2 mil, com taxas de juros subsidiadas de até 0,5 % ao mês.

“O objetivo é fazer o resgate das pessoas que se encontram em situação de exclusão social no contexto socioeconômico e incentivar a reinserção no mercado de trabalho visando sua própria autossustentabilidade, possibilitando o aumento da qualidade de vida através da geração de renda das atividades financiadas”, afirmou a secretária-executiva do FPS, Kathelen Braz.

Os recursos, administrados pela Afeam, são oriundos do Fundo de Apoio às Micro e Pequenas Empresas e ao Desenvolvimento Social do Estado do Amazonas (FMPES).

Comentários

Comentários