A partir de agora, todos os usuários do Facebook que seguem a página oficial da Fundação Hospitalar de Hematologia e Hemoterapia do Amazonas (Hemoam) na rede social serão notificados sempre que houver uma campanha ou necessidade no estoque do hemocentro. A ferramenta faz parte de um projeto piloto da rede social e começa a funcionar a partir desta sexta-feira (14/06), justamente quando é comemorado o Dia Mundial do Doador de Sangue.

A ferramenta está funcionando em dez hemocentros do país e foi criada para chamar a atenção de doadores cadastrados e potenciais doadores. Na prática, o Facebook oferece um menu de opções diferenciado, que permite criar posts especiais para convocar as pessoas a comparecerem ao Hemoam, convidar amigos para doar, notificar seguidores por zona da capital ou dos municípios do interior onde há Unidades de Coleta e Transfusão (UCTs).

Os usuários notificados poderão entrar em contato diretamente com o Hemoam e, caso queiram, podem sinalizar seu comparecimento. O solicitante não terá acesso a nenhuma informação sobre o doador, a menos que o doador a forneça explicitamente quando responder o chamado.

Doadores regulares – Para quem já é um doador regular, o Facebook também fornece facilidades, como um recurso que ajuda a pessoa definir um lembrete para o dia de sua próxima doação. Quando as pessoas convidarem os amigos, a oportunidade será compartilhada no Messenger, onde o grupo poderá se comunicar. Quando a data chegar, o organizador e seus amigos receberão uma notificação no Facebook, lembrando-os da doação.

Ferramenta autorizada – A ferramenta atende a todas as recomendações de Ministério da Saúde (MS), bancos de sangue centrais e especialistas em saúde. Quem desejar receber notificações sobre as demandas de sangue pode acessar o endereço:https://www.facebook.com/donateblood.

Primeiro nas Américas – O Brasil é o quarto país em que a ferramenta está disponível. Na Índia, Bangladesh e no Paquistão, mais de 8 milhões de pessoas se registraram para serem doadoras de sangue na rede social. Essas informações permanecerão, por padrão, privadas e definidas com visibilidade “Somente Eu”, mas os usuários poderão compartilhar seus status de doadoras mais amplamente.

Comentários

Comentários