Connect with us
               

Manaus, AM,

BRASIL

Homem amputa a própria mão, é socorrido por filho e consegue reimplante

Homem passou por três cidades até conseguir chegar a hospital onde fez uma cirurgia.

Publicado

em

Em apenas um dia, um fazendeiro de Teófilo Otoni, na região do Jequitinhonha, já passou um sufoco que vale para o mês inteiro. O homem estava manuseando uma serra circular quando acabou amputando a própria mão na manhã desta quinta-feira (14). Ele foi socorrido pelo filho, que é médico e conseguiu manter a mão amputada em condições adequadas para que pudesse ser reimplantada, e passou por duas cidades diferentes até chegar, no prazo limite, a um hospital de BH, onde conseguiu fazer a cirurgia e colocar a mão de volta no lugar.

Tudo começou por volta das 10h desta quinta, quando o homem estava usando, pela primeira vez, uma serra de mesa que havia acabado de comprar e amputou a própria mão acidentalmente. O filho dele estava por perto e prestou os primeiros socorros, além de resfriar a mão amputada e armazená-la num recipiente adequado para levar a uma equipe médica. Os dois foram até um hospital de Teófilo Otoni, onde os médicos fizeram um curativo.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, como havia a possibilidade de o fazendeiro voltar a ter a mão, o filho acionou uma ambulância particular para levá-lo até o aeroporto de Governador Valadares, a cerca de 120 quilômetros da cidade de origem dos dois. De lá, o homem foi resgatado pelo helicóptero Arcanjo, dos bombeiros, e encaminhado para a capital Belo Horizonte.

Quando o helicóptero pousou no Aeroporto da Pampulha, uma outra unidade de resgate já aguardava no local para levar o homem para um hospital o mais rápido possível. Ele chegou ao Hospital Madre Teresa, na região Oeste da capital, por volta das 22h, no prazo limite. Lá, os médicos realizaram uma cirurgia delicada, que só foi terminar às 6h de hoje (15). E depois de todo esse sufoco, a notícia não poderia ser melhor: os médicos conseguiram reimplantar a mão do homem, que agora vai encarar o processo de recuperação.

Mais Lidas