Um homem de 28 anos esteve internado em um hospital no período de dois meses, em estado grave, depois que sofreu queimaduras de terceiro grau no rosto e na pele do peito, no dia 23 junho de 2017, mas só agora foi divulgado amplamente pela mídia. 

(Foto: Reprodução/Daily Mail)

James Bradford Nelson foi forçado por policiais a se deitar de bruços no asfalto, durante pelo menos cinco minutos, no Sacramento (Califórnia, EUA).

De acordo com a família de James, ele estava sem camisa e policiais forçaram a cabeça dele para o asfalto quente, com muita força o lado direito de seu rosto e pescoço ao calor do asfalto, causando sérias queimaduras.  

James Bradford Nelson sofreu graves queimaduras (Foto: Reprodução/Daily Mail)

James, que tem problema psicológico, estava vagando na entrada de uma filial da rede KFC quando despertou atenção de agentes que passavam pelo local. Eles dominaram James e o levaram ao solo.

Ele está pedindo na Justiça indenização de o equivalente a R$ 86 milhões.

De acordo com o processo, os policiais que abordaram o americano ignoraram os gritos dele por causa da forte dor provocada pelo contato com o asfalto.

(Amazonas News com informações Daily Mail).

 

 

Comentários

Comentários