Foto: Reprodução

Manaus – O motorista de aplicativo de corrida, Higson Cavalcante Ramos, 49, que estava desaparecido desde a noite da última terça-feira (03), foi encontrado na noite desta sexta-feira (06), com sinais de tortura, marcas de agressão e golpes de faca, em uma área de mata no ramal do Brasileirinho, na zona Leste da capital.

A vítima teria sido sequestrada durante uma corrida, torturada, morta e depois jogada na área de mata. A suspeita é que ele tenha sido assassinado a facadas, pois a polícia encontrou o cadáver com perfuração no peito e uma faca do lado do corpo.

Segundo a polícia, o homem teria aceitado uma corrida feita por terceiros, de uma mulher que teria pedido a corrida para o cunhado. Ele fez a corrida, mas acabou desaparecendo. O carro de Higson, foi encontrado abandonado no bairro Monte das Oliveiras, zona Norte da capital.

A esposa, junto com familiares registraram boletim de ocorrência pelo desaparecimento, chegaram a procurá-lo no Instituto Médico Legal (IML) e em hospitais da capital, mas não tinham o encontrado.

Para ver o vídeo basta clicar clique aqui

Com informações do Portal da Capital AM

Comentários

Comentários