O Tribunal de Constas do Estado (TCE-AM) recebeu, nesta segunda-feira, 29/07 denúncia contra a Prefeitura de Boa Vista do Ramos, comandada por Eraldo Trindade da Silva (DEM). A empresa PrintiSilva Gráfica e Editora Ltda alega que a prefeitura vem dando ‘calote’ em seus fornecedores e mostra que o município está devendo R$ 344 mil, referente à impressão de livros didáticos, mochilas e fardamentos escolares.

Segundo a empresa, todo o material foi fornecido à Prefeitura de Boa Vista do Ramos ainda no ano letivo de 2018. “O prefeito Eraldo Trindade ainda efetuou o pagamento de uma pequena parte da dívida, mas o resto do montante ainda permanece pendente”, afirma a PrintiSilva em documento.

“A conduta do representante da municipalidade denunciada é contumaz, na medida em que vem acumulando dívidas de serviços essenciais, que deveriam ser a prioridade de qualquer gestor, como a educação. Por outro lado, são notórios os gastos com festividades na cidade e demais eventos”, aponta a empresa.

O prefeito Eraldo Trindade, já é reincidente quando o assunto é denúncia no TCE. Em 2018, o Ministério Público de Contas entrou com uma representação com pedido de liminar junto ao TCE-AM contra ele por causa de gastos com festas no município. Na época, Eraldo Trindade pagou mais de R$ 360 mil para a realização da “Festa do Trabalhador”, que teve como atração principal o cantor sertanejo Michel Teló.

Segundo o Ministério Público de Contas, somente para transportar o cantor, Eraldo Trindade gastou R$ 22,3 mil com o frete exclusivo de uma aeronave. Já na época, o Ministério Público de Contas lembrava que a Prefeitura de Boa Vista do Ramos deveria priorizar os pagamentos nos setores de educação e saúde.

Ainda no documento assinado pela procuradora de Contas Fernanda Cantanhede Veiga Mendonça, o Ministério Público de Contas afirma que “torna-se evidente desatendimento aos deveres primordiais na aplicação das verbas do município, tornando-se notória ainda a insatisfação da população, restando, portanto, margem para suposta negligência administrativa”.

Nota da prefeitura

A Prefeitura Municipal de Boa Vista do Ramos ainda não recebeu nenhuma notificação oficial do Tribunal de Contas do Estado a respeito desse caso. Em relação à dívida, a administração do município já está ciente do valor e estará entrando em contato com os empresários citados ainda essa semana para que o pagamento seja negociado e quitado o quanto antes.

Comentários

Comentários