Foto: Reprodução

Manaus – O Prefeito Arthur Neto (PSDB) foi ridicularizado pelo apresentador Sikera Júnior, durante o Programa Alerta Amazonas, da TV A Crítica, na tarde da última terça-feira (01). Após o Chefe do Poder Executivo Municipal, se posicionar em sua página no Facebook, sobre as suposições de que seu enteado Alejandro Valeiko teria ligação com o sequestro e morte do engenheiro Flávio dos Santos.

No programa, Sikera chama o enteado de Arthur de maconheiro, e afirma que não adianta passar a mão na cabeça de Alejandro. “O senhor vai se arrepender prefeito, a sua mulher que tá pedindo. Eu até entendo. Eu sei que o senhor tem medo da mulher. Problema é seu”, afirma.

Na ocasião o apresentador ainda aproveita para alfinetar a assessoria de imprensa de Arthur, dizendo que ele está “mal assessorado”. Após se auto-elogiar na nota publicada no Facebook. “Prefeito procure um assessor. Desempregue esses assessores que o senhor tem. Tá tudo ruim. O senhor tá roubado com esses assessores”, afirma.

De acordo com Sikera, o engenheiro viu algo que não devia e por isso pagou o preço. E alertou o Secretário de Segurança Pública do Amazonas, coronel Louisma Bonates. “Eu quero saber o que vai acontecer com esse esfaqueado, é obrigação do Estado da proteção a esse garoto que foi esfaqueado….”, e acrescenta. “É uma vítima viva, é uma testemunha viva”. Supondo que o mesmo que aconteceu com o engenheiro, pode acontecer com rapaz esfaqueado.

O apresentador também falou, que caso o rapaz não tenha o mesmo fim que Flávio, ele seja subornado com o hospital pago e com viagens, para ficar calado.

Alertou que a polícia faria reconstituição do crime no condomínio onde Flávio desapareceu e concretizou que a imprensa não teria cartão verde para acompanhar. “Às 20h começa a reconstituição, provavelmente a imprensa não vai passar do portão. Só passa sequestrador”, disse.

E por fim, fez um apelo ao prefeito. “Chega de tanta mentira prefeito, faça isso com a família de Flávio não…. É muito sofrimento”, conclui.

Confira o vídeo do programa que foi ao ar na última terça-feira (01).

As informações são do Expresso AM

Comentários

Comentários