Foto: divulgação/Sinetram

O projeto de lei do vereador Sassá da Construção Civil (PT), propõe que a Prefeitura de Manuas conceda o passe-livre para desempregados, por até 90 dias, mediante a comprovação na Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS) e Termo de Rescisão Contratual. 

O beneficiado teria direito a duas passagens por dia, com exceção dos domingos e feriados. Cada cartão receberia a quantia de 12 créditos por semana, totalizando um valor de R$182,50 mensal. Após os três meses, este desempregado custaria R$547,20 aos cofres da Prefeitura. 

De acordo com o Ministério do Trabalho, 221 mil pessoas estão desempregadas na capital, o usuário do transporte coletivo pagaria a conta de R$115,2 milhões ao final dos três meses.

Outra justificativa do vereador é que o cartão poderá ser devolvido caso o beneficiário comece a trabalhar. 

Leia a PL na íntegra aqui

Comentários

Comentários